A Decolar usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação.

Saber mais ou desativar os cookies Entendi

Ofertas exclusivas no App!

Ofertas exclusivas no App!

Conheça

Lençóis Maranhenses

Descubra o Lençóis Maranhenses

Lençóis Maranhenses, uma paisagem cinematográfica que emociona


É uma região paradisíaca, composta de dunas, mangues, rios e lagoas que se formam pelo acúmulo da água de chuva. Situada no Estado do Maranhão, a 250 quilômetros da capital São Luis, esta região chamada Lençóis Maranhenses ocupa uma área de aproximadamente 155 mil hectares. Dentro dessa área fica o Parque Nacional, onde se localizam as famosas dunas e as mais bonitas lagoas da região. Não é por acaso que todos os visitantes se apaixonam: não existe no mundo uma paisagem como essa!

Principais motivos para conhecer o Lençóis Maranhenses

Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses

É o maior campo de dunas da América do Sul, onde os fortes ventos modificam constantemente a posição das areias brancas.

Gastronomia

Outro motivo forte para visitar os Lençóis Maranhenses é a gastronomia, cujo ponto forte são os frutos do mar e a carne de sol.

Vida noturna

Neste destino há dois tipos de vida noturna: o agito e a badalação da Rua Beira Rio, onde há vários bares e restaurantes, ou admirar o pôr do sol ficando nas dunas para curtir os tons da lua.

Sobrevoar os Lençóis

Um dos passeios mais espetaculares é sobrevoar a região para ver as dunas e lagoas em um passeio de 30 minutos.

Informações importantes sobre Lençóis Maranhenses

Língua

A língua oficial é o português.

Moeda

A moeda oficial é o real (R$).

Fuso Horário

Nos Lençóis Maranhenses é GMT-3.

Aeroporto

Aeroporto Internacional de São Luís (SLZ): fica a 13 km de San Luis.

Vacinas

Não é exigido a apresentação da Carteira de Vacinação nem o teste RT-PCR.

Feriados Públicos

Tiradentes (21 de Abril), Nossa Senhora Aparecida (12 de Outubro).

Visas

Os brasileiros não precisam de visto para viajar pelo Brasil.

Quando ir a Lençóis Maranhenses

Lençóis Maranhenses na Primavera ou no Verão

Todo o ano é ideal para visitar os Lençóis Maranhenses, pois a temperatura é praticamente a mesma. No verão, a temperatura média é de 32ºC (89.6F). Durante a temporada primavera / verão ocorre a época mais chuvosa e isso é positivo, pois as lagoas acabam ficando cheias, permitindo o banho e muita diversão. Mas principalmente, o fato de ficarem cheias, as lagoas no meio das dunas conformam uma paisagem paradisíaca, bem cinematográfica!

Lençóis Maranhenses no Outono ou no Inverno

A temperatura média em outono e no inverno não é tão diferente que a temperatura no verão, podendo chegar aos 30ºC (86F) tranquilamente. No entanto, há um menor caudal de chuvas e, por isso, as lagoas tem menos água e algumas até desaparecem. Mas com os ventos modificando constantemente as formas das dunas, o espetáculo visual da paisagem bem vale a pena ser visto. Portanto, a escolha da época certa para visitar os Lençóis Maranhenses vai depender dos objetivos dos turistas.

Tendências de preços do Lençóis Maranhenses

Preço mais baixo
R$ 2.463 R$ 2.463
Set
Sen resultados
2022
Out
Sen resultados
Nov
Sen resultados
Dez
Sen resultados
Jan

Ida: qui 05 jan

Volta: qui 12 jan

R$ 2.463

2023
Fev
Sen resultados
Mar
Sen resultados
Abr
Sen resultados
Mai
Sen resultados
Jun
Sen resultados
Jul
Sen resultados
A partir deBRL2.463

Este é o preço mais baixo para você viajar para o seu Lençóis.

Os preços que te mostramos são por pessoa, ida e volta, e têm como base o histórico de busca de outros usuários. Leve em consideração que os valores podem não estar atualizados.

O que Fazer no Lençóis Maranhenses

Lagoas

Visitar todas elas e mergulhar nelas é uma das melhores atividades a fazer nos Lençóis Maranhenses. As lagoas que se formam pelas águas das chuvas no meio das dunas é uma paisagem inesquecível. Não são iguais umas às outras, como as dunas, que se transformam por causa do vento constante. Há vários passeios que levam para as lagoas, geralmente feitos em veículos 4x4 e também de quadriciclo.

Assistir ao pôr do sol

A hora do pôr do sol é um momento único, muito especial, se visto à beira de uma lagoa. A paisagem das dunas e as lagoas vai mudando de cor e você conseguirá, com certeza, tirar as melhores fotos da sua vida! Fazer um passeio para a Lagoa Azul em Barreirinhas, a Lagoa da Andorinha em Santo Amaro ou a Lagoa Tropical em Atins, e ficar até a hora do pôr do sol será uma atividade inesquecível.

Pequenos Lençóis

São um conjunto de dunas que ficam fora do Parque Nacional. São lagoas de água doce que também oferecem a possibilidade de lindos banhos para relaxar e se divertir. Esses lençóis ficam à margem do Rio Preguiças. A paisagem é bem diversificada, com dunas, lagoas, mangues, praias e vegetação fechada.

Centro Histórico de São Luís

Patrimônio da Humanidade pela UNESCO, a capital do Maranhão possui uma arquitetura colonial no Centro Histórico, que tem mais de 4 mil casarões de séculos passados. Várias fachadas ainda conservam os azulejos portugueses, O centro é simplesmente um museu a céu aberto, com imenso valor cultural.

Palácio dos Leões

Esta edificação foi uma antiga fortaleza construída pelos franceses em 1612 e foi posteriormente transformada em palácio pelos portugueses. O Palácio dos Leões é uma visita obrigatória para poder tomar contato com a história e a cultura da região. As salas ainda mantêm a decoração original, mas também os visitantes poderão admirar os quadros do escritor maranhense Arthur de Azevedo, que foram comprados pelo governo depois da sua morte.

Museu da Gastronomia Maranhense

Este museu foi inaugurado em 2019 e fica dentro de um casarão do Centro Histórico. A intenção deste museu é oferecer aos visitantes uma experiência de sabores e aromas da gastronomia local. As ervas maranhenses estão presentes, bem como camarões, diferentes doces, cachaças e o Guaraná Jesus.

Onde ficar no Lençóis Maranhenses

Não sabe onde reservar hotéis em Lençóis Maranhenses? Saiba mais sobre as melhores áreas e lugares para ficar.

Santo Amaro

Aqui estão as lagoas mais bonitas. A cidade é bem tranquila e pouco movimentada. Como as lagoas nessa parte do Parque Nacional são mais espetaculares, a vantagem de se hospedar aqui é o tempo que se poupa para chegar até elas, porque Santo Amaro fica praticamente dentro do Parque Nacional. Aqui há pousadas simples e não há muitos mercados ou lojas. Há lanchonetes, farmácias e restaurantes simples.

Barreirinhas

Barreirinhas é a base principal, com uma variedade de hotéis, diversos restaurantes e bares. É possível chegar de carro, transfer ou ônibus interestadual. Aqui há uma grande infraestrutura turística. À noite há uma orla bem animada. Se hospedar em locais perto do centro é o ideal para poder passear pelos principais lugares a pé.

Hotéis em Barreirinhas

Atins

Fica entre o mar e o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses. Aqui há pousadas bem charmosas. Com o é uma região onde se pratica o kitesurf, há uma permanência maior de hóspedes e, por isso, outro perfil de hospedagens. Não é fácil chegar até este vilarejo: é necessário pegar uma lancha ou um 4x4. É justamente por isso que Atins é um paraíso, tendo lagoas e praias, facilmente acessíveis.

O que comer no Lençóis Maranhenses

Nos Lençóis Maranhenses você poderá degustar pratos típicos e tradicionais brasileiros, bem como comidas bem regionais, por exemplo: peixada, caldeirada e galinha caipira. A culinária maranhense é uma das mais consagradas do Brasil. O prato mais tradicional e consumido nesta região é o arroz de cuxá.

Arroz de cuxá

O prato típico da gastronomia maranhense, é arroz de cuxá feito a vinagreta. É serviço como acompanhamento de frutos do mar ou peixes fritos.

Mingau de tapioca

É um prato parecido ao curau de milho, uma delícia quando é servido quente. É feito com tapioca, leite condensado, leite de coco e canela.

Sururu ao leite de coco

É um molusco que se consome muito no Nordeste, sendo que no Maranhão se faz um ensopado com leite de coco.

Carne de sol

É um clássico na gastronomia no Nordeste. A carne de sol faz parte do dia-a-dia dos maranhenses, servida em diferentes preparações.

Juçara

É o açaí do Maranhão e se consome da mesma forma, só que os maranhenses o comem com camarão seco e farinha d’água.

Uma natureza deslumbrante

Uma mistura de deserto e piscinas naturais, um verdadeiro paraíso no nordeste brasileiro, no litoral oriental do Estado do Maranhão. As dunas transformam constantemente a paisagem e as lagoas, que variam os tons azul e verde, se formam por causa do acúmulo de água das chuvas. É uma imensidão que provoca emoção ao ver esse cenário de lagoas azuis esverdeadas entre as dunas. O Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses foi criado em 1981 para proteger as dunas, as restingas, manguezais e a variedade de espécies vegetais.

Como se movimentar em Lençóis Maranhenses

Não é uma tarefa fácil se deslocar pelos Lençóis Maranhenses. Em primeiro lugar, não é possível fazer os passeios por conta própria, tanto para chegar às cidades base como para visitar as dunas e lagoas será necessário contratar um serviço de transporte. É necessário esclarecer que, embora seja permitido entrar dirigindo por conta própria ao Parque Nacional, é necessario solicitar autorização, mas não é aconselhável. Na verdade, quase ninguém arrisca a entrar motorizado.

Lancha

É o meio mais rápido para ir, por exemplo, de Barreirinhas a Atins. As lanchas partem do porto de Barreirinhas entre às 7 e às 10 da manhã.

Ônibus e Vans

Estes meios de transporte são utilizados para fazer o trajeto por via terrestre entre São Luis e Barreirinhas, que é a cidade mais fácil para ser acessada e a única acessível em transporte público coletivo.

Veículos 4x4

Os passeios mais populares são feitos em veículos 4x4, os indicados para andar pelas dunas e curtir as lagoas. Muitos trajetos podem ser feitos a pé, mas é necessário chegar a determinados pontos em 4x4.

Carros de aluguel

No geral, não compensa, pois só poderá ser feito o trajeto entre São Luis e Barreirinhas, por ter a estrada asfaltada. Depois, o carro ficará parado, pois os outros caminhos são, na grande maioria do trajeto, de areia.

Outros destinos que possam lhe interessar

Não olhe apenas para a primeira página, há muitas histórias para descobrir a apenas alguns quilômetros de distância. Esteja aberto a novas aventuras e continue descobrindo a si mesmo.

̵